Noticias

Bruno Pessuti pede ampliação da capacidade de ponto de ônibus em frente à PUC-PR - Bruno Pessuti

Bruno Pessuti pede ampliação da capacidade de ponto de ônibus em frente à PUC-PR

21 de Agosto de 2013
Longas filas em horários de pico, a mercê do mau tempo. Esta é a situação enfrentada por quem precisa pegar o ônibus na estação-tubo número 109.059, situada em frente à PUC-PR no bairro Prado Velho.
Para resolver este problema, o vereador Bruno Pessuti (PSC) solicitou à Prefeitura, nesta semana, a implantação de uma nova estação-tubo em frente ao Portão 1 da universidade. “Deve haver uma previsão para a instalação de uma nova estação-tubo no local que indicamos, pois é possível perceber que a reforma da pista realizada recentemente já contempla piso de concreto para a parada dos veículos”, informa o vereador.
Para ele, o modelo de estação usado atualmente – estação-tubo – poderia até mesmo ser revisto com o objetivo de adotar melhorias como as que foram feitas em cidades que copiaram o modelo de transporte de Curitiba. “Talvez fosse o momento de romper paradigmas do passado e utilizar uma estação em formato de paralelepípedo, servindo, nesse caso, de estudo de viabilidade desse tipo de estação em Curitiba”, comentou.
Para Lucia Helena Fanciulli, funcionária da GVT que utiliza com frequência a estação-tubo existente (localizada na rua Imaculada Conceição, em frente ao número 1.368), o ponto realmente está saturado. “Já passou da hora de ser ampliada a sua capacidade. Logo cedo, pela manhã, já está um caos”, afirmou.
Segundo ela, apenas no seu turno, que se encerra as 14h, mais de mil pessoas trabalham na empresa de telefonia. Além da GVT, a estação é utilizada por moradores da região, estudantes e funcionários da PUC-PR e também do Tecnoparque.
A cobradora Gisele Rodrigues também aprovou o pedido do vereador. “Iria desafogar bastante”, avaliou. Ela trabalha das 13h às 18h30 e nesse período, segundo Gisele, cerca de 900 passageiros usam a estação-tubo.

Na área amarela da foto que ilustra esta matéria, é possível ver, na área destacada em amarelo,